Modelo com pontas duplas no cabelo.
Destaques

Pontas duplas no cabelo: saiba como cuidar e evitar

A ponta dupla resseca, quebra, reduz o brilho e impede o crescimento do cabelo. Por isso, notar o surgimento desse fio fragilizado não é nada legal, né? Mas calma porque tem como recuperar!

O Purepeople, junto com a tricologista Viviane Coutinho, listou algumas verdades e dicas para você prevenir e reduzir este diagnóstico capilar – que pode até causar queda. Confira!

COMO IDENTIFICAR A PONTA DUPLA NO CABELO?

É bem fácil, na verdade, já que o nome é autoexplicativo. Observe as pontas dos fios mais de perto e note se alguma das terminações está dividida em duas. Caso esteja, isto mostra esta fragilidade da madeixa, tornando-a mais porosa, ressecada e sem brilho.

COMO A PONTA DUPLA É FORMADA NO CABELO?

A ponta dupla é formada a partir de desgaste físico e químico do cabelo, podendo ter inúmeras origens.

“Podem surgir da maneira como se usa secador, chapinha e babyliss, ao realizar alisamentos e aplicar tinturas, quando se lava o cabelo com água muito quente, entre outras situações onde os fios ficam expostos sem nenhum tipo de proteção”, detalha a membra-docente da Academia Brasileira de Tricologia (ABT).

PONTA DUPLA NO CABELO CACHEADA: SAIBA POR QUE É MAIS COMUM!

Alguns cabelos tem mais propensão a ter ponta dupla devido a sua curvatura. Este é o caso, por exemplo, de pessoas com cabelo cacheado.

“Isso acontece por conta do formato em espiral dos fios. Assim, é mais difícil que a oleosidade natural do couro cabeludo chegue às pontas, deixando-as mais ressecadas e quebradiças”, destaca a profissional.

4 penteados fáceis para você mesma fazer em casa

COMO ACABAR COM A PONTA DUPLA NO CABELO: DICAS PARA EVITAR!

Você sabia que tem como evitar o surgimento de ponta dupla no cabelo? Na verdade, é comum surgir uma ou outra as vezes, porém tem como diminuir essa frequência e a quantidade.

Isso pode ser conquistado com uma mudança na rotina capilar. Confira!

1 – Corte o cabelo de 3 em 3 meses: não precisa alterar muito o comprimento! O segredo desta técnica é ir ao salão regularmente para, pelo menos, aparar as pontas. Isso fará o cabelo crescer mais forte!

2 – Cronograma capilar: lembre-se de manter uma rotina saudável com o seu cabelo! “Tratamentos específicos são fundamentais para devolver a saúde capilar.

Sempre recomendo um cronograma que envolve reposição hídrica, lipídica e proteica, para devolver a emoliência, brilho e resistência”, destaca a profissional. Não esqueça de seguir os 3 passos da reconstrução, nutrição e hidratação.

3 – Protetor térmico: o calor é um grande agente das pontas duplas, por isso invista em produtos que protejam o cabelo na hora da exposição. “Antes de ligar o secador ou a chapinha, aplique o protetor em toda a extensão.

O calor excessivo emitido por esses aparelhos causa um desgaste desnecessário nos fios. Esse hábito pode diminuir o número de pontas duplas e ainda ajudar quem sofre com frizz”, indica Viviane Coutinho.

ESTÁ COM PONTA DUPLA NO CABELO? SAIBA O QUE FAZER!

Notou o aparecimento das pontinhas duplas no cabelo? Há algumas técnicas que podem te ajudar a recuperar os fios, porém já adiantamos que pode ser mais difícil do que parece.

1 – Hidratação: foque neste passo dentro do seu cronograma capilar para repor a água do cabelo e devolver o brilho. “As máscaras podem ser aplicadas uma vez por semana ou a cada quinze dias, a depender do nível dos danos”, avisa a tricologista. Dica: nutrição também pode te ajudar!

2 – Corte as pontas: quando os fios estiverem muito danificados, não tem jeito! Apare o cabelo para devolver a força e recuperar a parte que foi afetada.

3 – Corte bordado: caso não queria mexer no comprimento, há várias técnicas diferentes para tirar as pontas duplas sem mexer no tamanho. “Além do comum, há o corte terapêutico. Ele elimina pontas duplas sem alterar o tamanho das madeixas”, aponta.

4 – Procure um profissional: faça uma consulta com profissionais especializados em cabelo para te ajudar a manter a saúde dos fios.

“O tricologista faz uma avaliação detalhada da estrutura capilar para que, a partir disso, um tratamento personalizado seja seguido. Esse respeito às necessidades específicas de cada caso faz toda a diferença”, explica Viviane Coutinho.

(por Ana Clara Xavier)

*Purepeople

Sobre o Autor

Rochany Rocha

Oi! Sou Comunicadora Social, com habilitação em jornalismo, o que me deu oportunidades incríveis de dirigir uma grande rádio, além de trabalhar como assessora de imprensa de grandes instituições públicas e privadas. Como Docente, tive a oportunidade de compartilhar meus conhecimentos com mais de 2 mil alunos. Já a especialização em Marketing e Jornalismo político me deu a oportunidade de conhecer pessoas incríveis e hoje, me realizo informando coisas boas para meus leitores.
Sou mãe de dois meninos lindos, que me dão motivação diária para fazer o que mais amo. Quer saber um pouco mais? Então manda um e-mail para blogrochanyrocha@gmai.com e terei o maior prazer em respondê-los. Beijos!!

Deixe um comentário

Clique aqui para deixar um comentário

Open chat